domingo, 27 de maio de 2012

SAUDADE


Oh, meu amor!
Quanta tristeza  me restou
Tal qual pássaro triste
Que sua asa quebrou.

Oh, meu amor!
Quanto  vazio me restou
Tal qual água do rio
Que no verão secou.

Oh, meu amor!
Quanta solidão me deixou
Tal qual andorinha perdida
Que do seu bando afastou.

Oh, meu amor!
Quanta saudade sou eu
Tal qual estrada vazia
Que o coração esqueceu.

 
                               Bjokas no coração!
             

7 comentários:

  1. Que graça de versinhos, Maze. Com finalzinho tristonho, mas muito graciosas as rimas e as analogias. Gostei especialmente da parte da água do rio.

    bjos ** ótimo finalzinho de domingo e uma semana bem legal pra você/!

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde querida Maze,lindo a saudade as vezes é um pouquinho boa,lindo.Passamos para desejar uma ótima semana.beijinnhos Ju e Mary

    ResponderExcluir
  3. Muito lindinho e delicado seu poema Maze. Gostei!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Vim te convidar para uma blogagem coletiva muito especial: no dia 30 de maio, sobre o amor! Faz parte da campanha "GASTE TEMPO COM QUEM VOCÊ AMA"! Se der, vai no meu cantinho e confere como é. Participa com a gente??? Bj e fk c Deus.

    ResponderExcluir
  5. Olá,MAZE! Como vai?
    Acabei de ver seu comentário no blog do Vanderlei e decidi vir visitá-la!
    Vc já deve ter me visto nos comentes do Blog da Nadjinha e outros.
    Sou a Mary,dos blogs: "Casal de Lobos" e "Cozinhando com Mary".
    http://cozinhandocommary2.zip.net
    Como vi que Vc gosta de escrever, por seu lindo poema SAUDADE,
    te convido a ler o conto que acabei de escrever e postei num blog que não costumo divulgar,chamado "Vidas da Vida".
    (endereço no link)
    Se quizer ler passe lá!
    Ótima Sexta!
    Bjsss,
    MARY Am.

    ResponderExcluir
  6. Boa noite Maze!Lindo poema.A saudade sempre deixa um gostinho alegre e triste.Mais todos um dia passam pela saudades.Tenha uma otimo final de semana!
    Beijos com carinho!

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua impressão sobre a postagem. Seja sincero(a), para que eu possa crescer como escritora e poeta. Agradeço de coração sua opinião. Volte sempre. Bjs.